Rio World Skate Street não fará mais parte de classificação olímpica

Compartilhe!

As competições que aconteceriam agora em outubro, foram canceladas na modalidade Park e Street. O campeonato seria classificatório para as Olimpíadas de Paris em 2024.

Isso aconteceu porque a World Skate, que é a federação vinculada ao COI, Comitê Olímpico Internacional, alega divergências financeiras e também desentendimento com a Plataforma STU que pertence a CBSK, Confederação Brasileira de Skate.

Em nota ao UOL a CBSk. alegou que em relação a pagamentos o Brasil arcou com o combinado, porém a World Street entrou com mais exigências que se distanciaram dos valores apresentados no Memorando de Entendimento, o que causou desacordo comercial.

Alterações do campeonato

Porém, apesar de não ser mais uma classificatória, a World Skate vai alterar o nome do evento e permanecer com competições à nível nacional, o local também continuará o mesmo com a exclusão das categorias Park e Street.

Já a CBSK, alterou o seu evento Skateboarding World Championships, que teria fase classificatória na Rio World Street para STR Open Rio, que contará com as categorias Park e Street, além de uma premiação de US$ 500 mil (cerca de R$ 2,5 milhões), na Praça Duo no Rio de Janeiro.

O que é a STU Open?

É a plataforma de Skate Total Urbe, responsável por todas as gravações de imagem do campeonato, está há 5 anos nesse segmento e leva um novo olhar sobre a cultura urbana que o skate está inserido.

A intenção é que o STU Open seja promovido a ponto de se tornar um dos maiores eventos da história com essas modalidades, desde as últimas Olimpíadas de Tokyo. O evento aconteceu na Praça Duo na Barra da Tijuca, RJ, de 2 a 26 de outubro, duas semanas repleta de manobras e adrenalinas

Modalidade Street 

A modalidade Street, é chamada de skate de rua na pista, que envolve corrimões, escadas, paredões, basicamente inclui grande parte dos obstáculos que são encontrados na rua dentro da pista para realizar as manobras sob eles.

Modalidade Park

Já o Park, é mais montado e construído para que os skatistas façam manobras dentro da pista, com a regra de finalizar a sua performance em 45 segundos. A pista chamada Bowl lembra uma piscina, mas consiste em paredes de 4 metros de altura, agora se as paredes foram abaixo disso, são chamadas de banks, mas a regra continua a mesma.

Está preparado para esse evento?

Leia também: Circuito Mundial de Surf: Filipe Toledo é tetracampeão

Fonte: Uol Esporte, STU, Globo Esporte

spot_img

Related Posts

Rayssa Leal une moda de luxo da Louis Vuitton ao skatewear da Nike

A campeã olímpica Rayssa Leal venceu Tokyo 2020 com apenas 13 anos. Aos 11 se tornou a skatista mais...
spot_img